Cá estou eu. Adúltera. Traindo o Blogger, companheiro de longa data e tantos perrengues. Mas o domínio próprio me seduziu. Também ajudou a necessidade de colocar em prática o #OccupyMinhaMente e de cortar a corda.

Vida que segue.