Arquivo do mês: novembro 2004

Aproveitando o intervalo forçado

Meu computador não está colaborando… Enquanto o rapaz do suporte tenta trazer meu dia de volta à normalidade, aproveito para deixar algumas linhas no meu querido diário através do computador vago de meu colega de férias. O desânimo está tomando … Continue lendo

Publicado em Cotidiano | 2 Comentários

Não é a mamãe!

Simples: porque hoje é dia do meu pai! Meu e de Vivi, claro! Paizinho hoje faz cinqüenta e…. Bom melhor melhor deixar pra lá! De uns tempos pra cá ele tem ficado tão vaidoso que é melhor não falar em … Continue lendo

Publicado em Diário | 2 Comentários

Qui nem Jiló

Falei de saudade ontem. Algo me impele a falar de saudade novamente. Perdoem-me. Estou sendo repetitiva confessa. Mas isso se deve ao fato dessa palavra estar se repetindo intensamente em meu cotidiano esses últimos dias. Eu estou mesmo com uma … Continue lendo

Publicado em Diário, Sociedade | 1 Comentário

Pensamentos multifacetados

Tá nO Globo: Brasileiros batem marca de 14 horas mensais de navegação na Internet. Segundo a reportagem, somos superados apenas pelos japoneses que ficam 15 horas e meia na internet. Se pararmos para fazer as contas, são 30 minutos por … Continue lendo

Publicado em Internet | Deixe um comentário

Atualizações

Sábado, dia 13 de novembro (eu sei que já passou, mas não deu pra escrever antes…) foi dedicado ao McDia Feliz. E as garotas superpoderosas foram devidamente acompanhadas de dois galãs de novela (não me perguntem os nomes). Fora a … Continue lendo

Publicado em Livros, Mengão do meu <3, Sociedade | 2 Comentários

Minha varanda comercial!

Esta é a vista oferecida de graça a quem visita as instalações do Parque Gráfico da Infoglobo em lindos dias de primavera. Podem falar: é ou não é uma benção? A câmera não é lá grande coisa mas, com um … Continue lendo

Publicado em Carioquês | 1 Comentário

Me rendi, mea culpa

Eu olhava pra ele e ele olhava pra mim. Ele estava lá há algum tempo, quietinho, só esperando. Trombava nele de vez em quando mas, na maioria das vezes eu ainda conseguia evitá-lo. Confesso que foi difícil, muito difícil. Em … Continue lendo

Publicado em Cinema, Livros | 1 Comentário

Até quando…

A comoção, como entãoUma sensação de impotênciaSem certeza da ciênciaNecessária ao coração. Tudo é farto, fácil e hábilExceto a certa certezaComum e sem belezaDa vida insossa e dócil Quanto tempo é necessárioPara parar o canto raroE viver sem medo e … Continue lendo

Publicado em Diário | Deixe um comentário

Meleca!

Nova onde de paranóia para emagrecer….. O triste é que eu nem tenho condições de entrar para uma academia agora de tão dura que estou. O pior é que eu sei que, se eu não aproveitar essa nova temporada paranóica, … Continue lendo

Publicado em Diário | 2 Comentários

E Assim

Ação e reaçãoPor controle ou coerênciaPor questão ou preferênciaDor e força, ontem e amanhã O ocreO odorO fedor A fumaça que passaEmbaça e abraçaAquela coisa que voltaVida, vento e flauta Sem tempoSem jeitoSem beijo Pesadelo apenasRebeldia e oraçãoCovardia e submissão … Continue lendo

Publicado em Diário | 1 Comentário